• admin
  • Economia
  • Nenhum comentário

[ad_1]

Após pedir recuperação judicial no início da semana, a Avianca Brasil informou nesta quinta-feira (13) que “segue operando normalmente”. 

“Os passageiros estão fazendo suas reservas, comprando passagens e voando com a companhia. Os pousos e decolagens também seguem os cronogramas estabelecidos”, informou a companhia em nota. Na véspera, a aérea realizou 254 voos, “que transportaram mais de 32 mil passageiros como programado”.

O comunicado informou também que a empresa reforça “que a tutela assistida de suas aeronaves está em vigor, de acordo com a decisão do juiz Tiago Henriques Papaterra Limongi“. Em sua decisão, o juiz suspendeu a reintegração de posse que vinha sendo concedida na Justiça aos donos de aviões, por causa da inadimplência da empresa.

Na quarta-feira (12), a Aircraft Leasing, uma das principais fornecedoras de aeronaves para a Avianca, entrou na Justiça com um pedido de reconsideração da tutela provisória concedida para a companhia aérea.

Recuperação judicial

De acordo com a Avianca, a decisão de solicitar a recuperação judicial foi tomada “devido à resistência de arrendadores de suas aeronaves a chegar um acordo amigável”.

Segundo a companhia, o pedido de recuperação permitirá que ela continue funcionando normalmente. “Como primeira decisão da Justiça, [a empresa] teve seus pedidos garantidos, como a liberação de sua frota para o cumprimento de todos os voos programados, nos aeroportos onde opera.” 

(Com Estadão Conteúdo)

Como é o teste de um avião novo, que inclui até queda de barriga

UOL Notícias

[ad_2]

Source link

Author: admin

Deixe uma resposta

dezessete − 3 =