• admin
  • Economia
  • Nenhum comentário

[ad_1]

O dólar comercial fechou esta segunda-feira (17) em queda de 0,26%, cotado a R$ 3,894 na venda, após duas altas seguidas. Na sexta-feira (14), a moeda norte-americana subiu 0,63%. 

O valor do dólar divulgado diariamente pela imprensa, inclusive o UOL, refere-se ao dólar comercial. Para turistas, o valor sempre é maior.

Atuação do BC

O Banco Central realizou nesta segunda-feira um leilão de linha (venda com compromisso de recompra) com a oferta de até US$ 1 bilhão, após a moeda norte-americana ter fechado na casa de R$ 3,90 na sexta-feira.

O fluxo de saída de recursos é comum no final do ano, quando muitas empresas remetem lucros e dividendos ao exterior, e já levou o BC a realizar quatro leilões novos de linha desde o final de novembro –o desta segunda-feira é o quinto.

Além disso, o BC vendeu nesta sessão 13,8 mil contratos de swap cambial tradicional, equivalente à venda futura de dólares. Desta forma, rolou US$ 7,607 bilhões do total de US$ 10,373 bilhões que vence em janeiro. Se mantiver essa oferta diária e vendê-la até o final da semana que vem, terá feito a rolagem integral.

Cenário externo

No exterior, o dólar caiu ante outras moedas emergentes em meio à expectativa por decisões sobre juros de grandes bancos centrais, com principal atenção ao Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA).

Na quarta-feira (19), o mercado aposta que o Fed aumentará a taxa de juros, mas investidores buscam saber o que dirá o comunicado e também o presidente da entidade, Jerome Powell, depois de recentemente os membros da autoridade monetária terem indicado que os juros do país já estariam perto do nível neutro.

O mercado também seguia preocupado com a ameaça de desaceleração econômica global, sobretudo após a guerra comercial entre Estados Unidos e China, que já impactou os indicadores da segunda maior economia mundial.

(Com Reuters)

[ad_2]

Source link

Author: admin

Deixe uma resposta

1 + dezesseis =